グローバルナビゲーションへ

本文へ

ローカルナビゲーションへ

フッターへ


ホーム  > Português  > Centro Médico Perinatal e Materno-Infantil  > Para as gestantes que pensam em fazer o parto no nosso hospital

Para as gestantes que pensam em fazer o parto no nosso hospital

Sobre o agendamento do parto

Liberação da restrição na aceitação de gestantes

Até então, com a finalidade de prestar assistência médica tranquila e segura aos residentes locais, o nosso hospital vinha dando prioridade ao atendimento dos moradores de Iwata, Fukuroi e Morimachi.
Atualmente, liberamos todas as restrições e aceitamos gestantes residentes em qualquer parte, incluindo aquelas que voltam para a casa dos pais para fazer o parto. Porém, há um limite no número de partos que podemos receber, por isso pedimos para iniciar as consultas no nosso hospital o quanto antes.

Antes de solicitar o agendamento do parto, a gestante deve fazer uma consulta no nosso hospital. O agendamento do parto será recebido após a consulta.
Se tiver uma Carta de Apresentação (shoukaijou) de outra instituição médica, poderá marcar a consulta através do Setor de Cooperação Médica Regional (chiiki-renkei-shitsu) (tel.: 0538-38-5545) do hospital.
Mesmo tendo a Carta de Apresentação, a gestante deve fazer pelo menos uma consulta no nosso departamento de obstetrícia e ginecologia antes da vigésima semana de gravidez.

Quando achar que está grávida

1.Consulta médica

Por favor, faça a consulta médica no nosso departamento de obstetrícia e ginecologia ou na clínica mais próxima da sua residência. Quando for fazer a consulta no nosso hospital, traga seu cartão de seguro de saúde (hokensho) e o cartão de consulta deste hospital (shinsatsuken, se tiver) e apresente-os na recepção para novos pacientes (shin-kanja-uketsuke) do 1º andar até às 11 horas nos dias úteis.


Se você tiver carta de apresentação emitida pela instituição médica onde frequenta, poderá marcar uma consulta médica através do nosso Setor de Cooperação Médica Regional (chiiki-renkei-shitsu).
No dia da consulta, por favor, venha à recepção para novos pacientes (shin-kanja-uketsuke), 15 minutos antes do horário marcado.
Informação: Hospital Municipal de Iwata, Setor de Cooperação Médica Regional (chiiki-renkei-shitsu).
Tel.: 0538-38-5000
Fax: 0538-38-5549

2.Emissão da Caderneta Materno-Infantil - boshi-techou

Quando o diagnóstico médico confirmar a gravidez, procure a prefeitura local para receber a "Caderneta de Saúde Materno-Infantil (boshi-techou)” e a "Ficha de exame médico para gestantes (ninpu-kenkou-shinsa-jushin-hyou) com bilhetes subsidiados para consultas e exames (kouhi-ken))”.
Os bilhetes subsidiados para exame médico para gestantes só podem ser usados pelos moradores da província. As gestantes de outras províncias devem consultar a prefeitura da sua municipalidade.

No caso de gestantes residentes em Iwata, consulte a seguinte página.
http://www.city.iwata.shizuoka.jp/shimin/shussan/ninshin (abre em outra janela)

3.Gestantes que voltam para a casa dos pais para fazer o parto

Pedimos para fazer a consulta no nosso departamento de obstetrícia e ginecologia, antes da vigésima semana de gravidez trazendo a carta de apresentação (shoukaijou) emitida pela instituição médica onde faz a consulta normalmente. Caso já se tenha passado 20 semanas de gravidez é necessário ver se há disponibilidade de agendamento do parto. Solicite o agendamento do parto na ocasião da sua primeira consulta.

4.O custo da internação

O pagamento deve ser realizado na ocasião da sua alta hospitalar. No nosso hospital, este valor é de aproximadamente 600.000 ienes (no caso de se usar um quarto privativo) para um parto normal. No caso de parto no horário noturno ou em feriados, o custo será maior.
Geralmente as despesas de parto são pagas do próprio bolso, mas alguns seguros de saúde cobrem parcialmente as despesas de cesariana, parto por aspiração, etc. Para mais detalhes, entre em contato com a nossa equipe.
A gestante que solicitou o subsídio de parto (em japonês, shussan-ikuji-ichijikin, montante de ¥ 420.000), arcará apenas com a diferença em relação ao custo acima, e caso não tenha solicitado este subsídio, deverá pagar o valor integral em parcela única. A forma de pagamento pode ser em dinheiro ou cartão de crédito.

O subsídio de parto (shussan-ikuji-ichijikin)

Em princípio, o nosso hospital determina que a gestante use o Sistema de Pagamento Direto do Subsídio de Parto para a Instituição Médica para minimizar o montante de despesas hospitalares que esta deve pagar à nossa tesouraria na ocasião do parto. Utilizando este sistema, a parturiente pagará na tesouraria do hospital apenas o valor que ultrapassar os 420.000 ienes do subsídio de parto.
As gestantes que terão bebê neste hospital deverão entregar os documentos necessários ao subsídio na recepção do departamento de obstetrícia e ginecologia. As que não usarem este sistema deverão pagar o montante em parcela única no momento da alta.

Sistema de Seguro para Cuidados Médicos Obstétricos

O Sistema de Seguro para Cuidados Médicos Obstétricos é um sistema que combina a função de dar cobertura às crianças acometidas de paralisia cerebral grave associada ao parto e a função de análise das causas de ocorrência da paralisia cerebral e prevenção da sua recorrência. Este hospital também faz parte desse sistema. Pediremos para preencher o formulário de inscrição por volta da vigésima semana de gravidez. O prêmio do seguro (\16.000) será incluído nas despesas do parto.